20 das melhores e mais pitorescas vilas hist√≥ricas para visitar na Europa ūüõĖ

  • 12.12.2023 18:15
  • Bruno A.

Da Alemanha à Polónia, passando por Geórgia, Roménia ou França, acompanha-nos neste animado périplo por 20 das melhores e mais belas vilas históricas da Europa.

Queres receber notifica√ß√Ķes acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Se nos damos ao trabalho de nos enfiarmos numa lata met√°lica a voar pelos c√©us durante v√°rias horas, √© bastante prov√°vel que tenhamos como destino ‚Äď pelo menos no Velho Continente ‚Äď algumas das suas maiores e mais populares cidades. Destinos de culto, conhecidos pelas suas extraordin√°rias ofertas culturais, ambiente vibrante ou arquitectura grandiosa.

No entanto, na incessante busca pelo ‚Äúmaior‚ÄĚ, ‚Äúmelhor‚ÄĚ ou ‚Äúmais visitado‚ÄĚ, n√£o raras vezes damos por n√≥s a negligenciar as localidades mais pequenas, como as vilas ou aldeias hist√≥ricas onde, muitas das vezes, podes encontrar um lado mais aut√™ntico (e n√£o menos encantador) do pa√≠s que te recebeu.

Ora, é precisamente isso que queremos combater com este artigo, compilando uma lista de 20 das melhores vilas históricas em toda a Europa! Acompanha-nos neste périplo e, quiçá, podes até tirar algumas ideias para a tua próxima aventura!

Nota: Como j√° √© habitual, aplica-se a regra de 1 √ļnico local por pa√≠s ūüėä

20 vilas europeias que tens mesmo que visitar:

Hallstatt, √Āustria

Embora ao longo desta listagem v√°s encontrar v√°rios locais obscuros e menos conhecidos, iniciamos a contagem com um verdadeiro cl√°ssico, e, acredito, um dos destinos mais populares desta lista: Hallstatt!

Situada bem no cora√ß√£o dos Alpes Austr√≠acos, junto √†s margens do lago do mesmo nome, Hallstatt √© uma das vilas mais pitorescas de todo o pa√≠s, recebendo anualmente mais de 3.5 milh√Ķes de turistas (longe de ser um ‚Äúsegredo‚ÄĚ, portanto). Naturalmente, uma quantidade t√£o absurda de visitantes num espa√ßo t√£o pequeno acabou por criar grandes constrangimentos √† vida da popula√ß√£o local, pelo que as autoridades de Hallstatt t√™m aprovado v√°rias medidas ins√≥litas para facilitar a conviv√™ncia entre o turismo e o quotidiano. Seja como for, e excessos tur√≠sticos √† parte, a beleza deste s√≠tio √© ineg√°vel, sendo f√°cil perceber o porqu√™ de se ter tornado t√£o popular.

Recomendado: Guia de viagem de Viena ‚Äď Roteiro de 3 dias na capital da √Āustria

Rothenburg ob der Tauber, Alemanha

Passando ao vizinho de cima, a Alemanha tem a particularidade de estar repleta de pequenas localidades que podiam muito bem encher uma lista deste tipo. De Bamberg a Lubeck, passando por Bad Wimpfen, Quedlimburgo ou Fussen, a verdade √© que n√£o faltam hip√≥teses para quem esteja a contemplar um p√©riplo por solo germ√Ęnico.

No entanto, e podendo apenas escolher uma alternativa, a op√ß√£o mais popular passa por Rothenburg ob der Tauber, uma vila muralhada situada em pleno Estado Federal da Baviera. Considerada o ponto alto da famosa ‚ÄúRomantic Road‚ÄĚ, a mais conhecida road trip da Alemanha, a vila esconde um centro hist√≥rico fant√°stico, famoso pelas suas muralhas intactas, que podes percorrer de forma integral para algumas das vistas mais agrad√°veis sobre Rothenburg, o Rio Tauber e todo o vale em redor.

Recomendando: 10 das melhores road trips da Europa

Bibury, Reino Unido

Como não podia deixar de ser, a busca pela melhor vila histórica a visitar no Reino Unido teria sempre que nos levar aos Cotswolds, a região mais fofinha e fotogénica de toda a União. Conhecida pelas suas colinas verdejantes e incontáveis vilas com casinhas e pontes em pedra, o difícil é mesmo escolher qual das localidades destacar.

√Č um trabalho duro ‚Äď mas algu√©m tem que o fazer ‚Äď pelo que a nossa escolha recaiu sobre Bibury, cujo lema oficial, e nada modesto, dita que esta √© ‚ÄúThe most beautiful village in England‚ÄĚ. No entanto, e olhando √†s fileiras de casas hist√≥ricas da sua Arlington Row, quem √© que se atreve a discordar? N√≥s n√£o!

Sremski Karlovci, Sérvia

Passando à região dos Balcãs, que irão ver repetidamente ao longo desta lista, a Sérvia não é propriamente conhecida pelas suas vilas e aldeias turísticas. Aliás, para além da boémia Belgrado e da surpreendentemente apelativa Novi Sad, não são muitos os turistas que se aventuram para lá destes dois destinos.

Um erro crasso, uma vez que a apenas 20 minutos desta √ļltima cidade √© poss√≠vel encontrar uma das vilas mais ador√°veis da Europa! Sejam ent√£o bem-vindos a Sremski Karlovci, uma pequenina vila com um passado estranhamente rico. Apesar de ter frequentemente saltado entre S√©rvios, H√ļngaros e Otomanos (e de ter ainda feito parte do imp√©rio dos Habsburgos), Sremski Karlovci sempre foi um dos principais basti√Ķes √©tnicos s√©rvios do pa√≠s, o que ajuda a explicar os edif√≠cios cl√°ssicos e as catedrais, bem como a presen√ßa do primeiro liceu de toda a antiga Jugosl√°via.

Cesky Krumlov, Chéquia

De regresso aos cl√°ssicos, damos agora um saltinho at√© √† Rep√ļblica Checa (ou Ch√©quia) com uma visita at√© √† famosa Cesky Krumlov. Ali√°s, n√£o fosse pela presen√ßa da extraordin√°ria Praga, e este poderia muito bem ser o destino mais popular e visitado de todo o pa√≠s, com multid√Ķes a aglomerarem-se dia-sim, dia-sim, nas ruas do seu centro hist√≥rico.

Com o castelo a espreitar do topo de uma colina e uma baixa dividida em dois pelo Rio Moldava, esta é seguramente uma das localidades mais bonitas desta lista inteira, com o típico cenário e arquitectura tão presentes nos livros de conto-de-fadas. Para a melhor vista sobre Cesky Krumlov, deverás subir à torre do castelo ou visitar o miradouro no Parque Seminární zahrada (gratuito).

Recomendado: Guia de viagem de Praga ‚Äď Roteiro de 3 dias na ‚ÄúCidade das 1000 C√ļpulas‚ÄĚ

Ronda, Espanha

À semelhança da Alemanha, e de outros países que surgirão mais à frente nesta lista, também Espanha apresenta um digno e extremamente variado leque de possibilidades válidas para esta lista. Aliás, só na Andaluzia, porventura a sua região mais rica do ponto de vista turístico e cultural, podemos encontrar locais como Mijas, Nerja ou Arcos de la Frontera, que na maioria dos países seriam ponto de destaque.

No entanto, e tanto para a Andaluzia como para todo o território castelhano, somos quase obrigados a avançar com Ronda! Dramaticamente construída nos limites do Desfiladeiro El Tajo, esta vila é famosa por albergar a lendária Puente Nuevo, uma travessia habitual nas listas das pontes mais bonitas do planeta. Juntamente com Sevilha, Córdoba e Granada, Ronda tem que ser ponto de paragem obrigatório em qualquer roteiro cultural da Andaluzia.

Recomendado: As 15 pontes mais bonitas da Europa

Rovinj, Cro√°cia

Com as suas in√ļmeras aldeias, vilas e cidades hist√≥ricas muralhadas junto √†s pitorescas margens do Adri√°tico, certo √© que n√£o faltam hip√≥teses croatas para adicionarmos √† nossa lista. E apesar de que poder√≠amos perfeitamente incluir as mais conhecidas Korcula e Hvar, ou a medieval Trogir, opt√°mos por manter-nos √† beira-mar mas em plena Pen√≠nsula de √ćstria, onde poder√°s encontrar a encantadora localidade de Rovinj.

Ao contrário da maioria das suas congéneres, Rovinj não é cercada por qualquer muralha, com a particularidade de que as portas dos edifícios situados na primeira linha da água abrem directamente para o mar (como nos canais de Veneza). Quanto ao resto, corresponde quase na íntegra ao ideal turístico da região, com as paredes em pedra, os edifícios em tom pastel e o Adriático a espreitar a cada esquina. Um encanto!

Recomendado: 10 paragens obrigatórias num roteiro da Croácia

Piran, Eslovénia

Aproveitando que estamos precisamente na Pen√≠nsula da √ćstria, e uns m√≠seros 80 km a norte de Rovinj, atravessamos agora a fronteira eslovena para um pulinho at√© Piran, uma antiga cidade medieval capaz de rivalizar com as mais conhecidas vilas costeiras de Cro√°cia ou Montenegro. Pisando as suas ruas, √© imposs√≠vel n√£o lembrar alguns quarteir√Ķes italianos‚Ķ afinal, Piran fazia parte da na√ß√£o transalpina at√© √† d√©cada de 50 do s√©culo passado, quando o territ√≥rio foi for√ßosamente cedido √† Jugosl√°via.

Curiosamente, a Eslovénia está longe de ser conhecida como um destino costeiro ou de praia, sendo acima de tudo recordada pelos seus trilhos e parques nacionais. No entanto, este é um surpreendente local que merece uma visita!

Recomendado: 10 dos destinos de praia mais baratos, surpreendentes e subvalorizados da Europa

Sighisoara, Roménia

Sighisoara

Apesar da moderniza√ß√£o das √ļltimas d√©cadas e correspondente ades√£o √† Uni√£o Europeia, s√£o ainda muitos os que olham para a Rom√©nia com um ar desconfiado, e poucos os que a levam a s√©rio enquanto destino tur√≠stico. Uma pena, uma vez que o pa√≠s, e em especial a regi√£o da Transilv√Ęnia, est√° repleto de vilazinhas ador√°veis capazes de fazer as maravilhas de instagrammers e influencers de viagens de todo o mundo.

Podíamos destacar locais como Brasov, Alba Iulia, Rasnov, Targu Mures, Sibiu ou Biertan, que seriam alvo de grande atenção mediática se estivessem num país situado em paragens menos orientais. No entanto, a escolha óbvia (para quem já visitou a região) só pode mesmo ser Sighisoara, lar de algumas das ruas mais bonitas e fotogénicas que alguma vez verás.

Dhermi, Alb√Ęnia

Apesar de locais como Berat, Gjirokaster ou Shkoder terem a apar√™ncia de vilas, a verdade √© que, no contexto Alban√™s (popula√ß√£o inferior a 3 milh√Ķes de pessoas), estes tr√™s destinos t√™m o estatuto de cidade. Assim sendo, e num cen√°rio mais micro, as vilas e aldeias mais bonitas do pa√≠s ficam situadas na espectacular Riviera Albanesa, com as honrosas excep√ß√Ķes de Kruje e das localidades de Valbona e Theth, na regi√£o dos alpes locais.

Assim sendo, e ao percorreres esta extraordin√°ria regi√£o, n√£o podes deixar de passar nos pequenos povoados de Vuno, Himare, Porto Palermo, Borsh e Upper Qeparo ‚Äď todos eles merecedores de uma men√ß√£o honrosa. No entanto, e apesar de min√ļscula, a nossa aldeia favorita da Riviera √© mesmo Dhermi, com as suas casinhas caiadas de branco, c√ļpulas azuis e vistas desimpedidas sobre o infind√°vel Adri√°tico.

Recomendado: O que fazer na Alb√Ęnia ‚Äď Guia de viagem e roteiro de 7, 10 e 14 dias

ZamoŇõńá, Pol√≥nia

√Ä semelhan√ßa de muitos dos seus vizinhos eslavos e germ√Ęnicos, tamb√©m a Pol√≥nia est√° repleta de pequenas localidades com um n√≠vel arquitect√≥nico extraordinariamente acima do seu estatuto actual. Falo de locais como Kazimierz Dolny, Sandomierz ou Tarn√≥w, com os seus edif√≠cios cl√°ssicos; de Malbork e do seu fabuloso castelo; de Zakopane, no sop√© das Montanhas Tatra; ou at√© da surpreendente aldeia art√≠stica de Zalipi.

No entanto, nenhum destes locais √© t√£o impressionante quanto ZamoŇõńá, situada a poucas dezenas de quil√≥metros da fronteira com a Ucr√Ęnia. Afinal, a cidade foi desenhada a r√©gua e esquadro de acordo com os ideias do Renascimento, sendo por isso, no papel, ‚Äúa cidade perfeita‚ÄĚ. Para al√©m dos p√≥rticos e das cornuc√≥pias coloridas, o ponto alto de ZamoŇõńá √© mesmo a Pra√ßa do Mercado. Arrisco dizer: uma das mais belas e majestosas da Europa!

Recomendado: Guia de viagem de Crac√≥via ‚Äď Roteiro de 3 dias

Kotor, Montenegro

Considerado o principal destino turístico de Montenegro apesar da sua reduzida dimensão, o município costeiro de Kotor é um dos locais mais populares dos Balcãs, e provavelmente o ponto mais visitado da antiga Jugoslávia, fora da Croácia. Surpreendente? Bom, nem por isso! Afinal, não existirão muitos lugares onde a ligação entre a obra do Homem e o poder da Natureza apresente uma sincronia tão grande.

Com a esmagadora Ba√≠a de Kotor a formar-se por entre os vales e as constru√ß√Ķes cl√°ssicas em pedra a adornar a paisagem ‚Äď onde n√£o pode falhar a inacredit√°vel subida √† Fortaleza de S√£o Jo√£o ‚Äď Kotor √© um destino imperd√≠vel. Ao visitares a ba√≠a, √© at√© para escapares √†s enxurradas de malta vinda dos cruzeiros, recomendamos que passes tamb√©m em Perast, Herceg Novi ou Tivat.

Koprivshtitsa, Bulg√°ria

Outro destino que, à semelhança da Roménia, faz parte da UE mas continua a passar ao lado das massas, a Bulgária é uma excelente opção para uma experiência fora-da-caixa (e mais amiga da carteira). Apesar de a esmagadora maioria dos visitantes se focar na costa do Mar Negro, onde podes encontrar as vilas históricas de Nessebar e Sozopol, optámos por afastar-nos dos areais e dar destaque a Koprivshtitsa.

Situada a praticamente 100 km da capital Sofia, esta vila adormecida foi outrora o lar de alguns dos maiores revolucionários do país, tendo por isso desempenhado um papel fundamental na revoluta popular contra a ocupação otomana. Talvez esse nacionalismo ajuda a explicar o facto de, mesmo no início do século XX, praticamente todas as casas terem sido construídas no estilo tradicional do país, dando a Koprivshtitsa um ar bastante antigo (e agradável à vista).

Sighnaghi, Geórgia

Continuando na senda dos destinos obscuros, a na√ß√£o Georgiana teria sempre que fazer parte desta compila√ß√£o. Afinal, para al√©m da capital Tbilisi e da estramb√≥lica Batumi, todo o pa√≠s parece composto por pequenas vilazinhas e aldeias, mesmo que muitas delas tenham o estatuto de cidade. Dessas, poderia facilmente destacar Kazbegi, Ushguli, Akhaltsikhe ou Mtskheta ‚Äď todos eles destinos extraordin√°rios!

Ainda assim, n√£o h√° nada como alugar um carro, explorar a regi√£o vin√≠cola de Kakheti (onde foi produzido o primeiro vinho do mundo) e parar pelo caminho na pitoresca Sighnaghi, a vila mais rom√Ęntica da Ge√≥rgia. Ao percorreres o centro hist√≥rico, √© imposs√≠vel n√£o reparar nos varandins t√≠picos, no pavimento em cal√ßada ou no constante sobe-e-desce das ruas. Sighnaghi foi constru√≠da no topo de um planalto, por isso √© sempre boa ideia continuar a subir e a desfrutar das vistas sobre o gigantesco vale de Kakheti.

Recomendado: 16 op√ß√Ķes alternativas a destinos extremamente populares

Giethoorn, Países Baixos

Num pa√≠s onde a eterna luta com os n√≠veis do mar √© um elemento fundamental da arquitectura, da hist√≥ria e da cultura, a malta de Giethoorn levou o desafio um pouco mais a s√©rio que a m√©dia, banindo totalmente o tr√Ęnsito autom√≥vel. Como resultado, a forma mais comum de te deslocares pelos canais desta aldeia passa mesmo por utilizares um barco a motor!

Nada que aflija a maioria dos visitantes, ou n√£o fosse Giethoorn melhor apreciada a partir da √°gua, onde os in√ļmeros turistas podem fotografar as casinhas t√≠picas com telhados de palha e o ambiente rural que te far√° sentir como se estivesses a anos-luz da anima√ß√£o e vida de Amesterd√£o. Apesar disso, s√£o apenas 120 os quil√≥metros que separam a capital desta aldeia, fazendo de Giethoorn uma day trip perfeitamente plaus√≠vel!

Recomendado: 10 coisas gr√°tis para fazer em Amesterd√£o

Riquewihr, França

Por onde podemos come√ßar com Fran√ßa? N√£o s√≥ √© este o pa√≠s mais visitado de todo o mundo, como √© tamb√©m, a par da bella Italia, o mais belo de toda a Europa. Basta uma singela pesquisa no Google, e podes facilmente deparar-te com duas boas dezenas de locais capazes de fazer crescer √°gua na boca ‚Äď e isto sem sair das grandes cidades!

Quanto √†s vilas e aldeias, e embora esta seja uma conversa que daria pano para mangas, opt√°mos por permanecer na regi√£o da Als√°cia, conhecida precisamente pela quantidade absurda de pequenas localidades merecedoras de uma visita. √Č certo que poder√≠amos ter escolhido Kaysersberg, Eguisheim, Obernai e Ribeauvill√©. Se estiv√©ssemos na disposi√ß√£o de ‚Äúdobrar‚ÄĚ as regras, at√© mesmo Colmar poderia estar aqui (cidade pequena). Seja como for, ficamo-nos por Riquewihr‚Ķ e est√° muito bem assim!

Recomendado: Guia de viagem de Estrasburgo + Roteiro de 3 dias na Als√°cia

Xinaliq, Azerbaij√£o

Para além de ser a vila mais impressionante do Azerbaijão, Xinaliq é o povoado mais alto de toda a Europa, em plenos picos da Cordilheira do Cáucaso. Como deves calcular, chegar lá já é um desafio, exigindo uma viagem de 2h30 de marshrutka entre Baku e Quba, a cidade mais próxima, seguida de uma travessia de táxi de 1h30 (para fazer 50 km) até ao destino final. Por incrível que pareça, isto é já um avanço face à situação de há um par de anos, quando a estrava até Xinaliq não era sequer pavimentada.

Ali√°s, este s√≠tio √© t√£o isolado, que os locais t√™m a sua pr√≥pria l√≠ngua e tra√ßos √©tnicos, desenvolvidos ao longo de gera√ß√Ķes de contacto extremamente limitado com o exterior. No entanto, a recompensa vale todo o esfor√ßo, uma vez que o cen√°rio natural √© absolutamente inacredit√°vel!

San Gimignano, It√°lia

Para surpresa de precisamente 0 pessoas, tamb√©m a It√°lia tem presen√ßa garantida na nossa lista das melhores vilas hist√≥ricas da Europa! A par de Fran√ßa, Espanha e Alemanha, n√£o faltariam boas op√ß√Ķes a mencionar, uma vez que esta distin√ß√£o poderia perfeitamente ter ido para qualquer uma das Cinque Terre, para as muitas localidades da Costa Amalfitana, para Matera ou para a peculiar arquitectura de Alberobello.

No entanto, opt√°mos por ser pragm√°ticos e incluir uma localidade que podes facilmente visitar se j√° estiveres a planear um roteiro pela Tosc√Ęnia, uma das viagens mais concorridas e emblem√°ticas que a na√ß√£o transalpina tem para oferecer. Assim sendo, e a meio caminho entre Floren√ßa e Siena, n√£o deixes de passar na fabulosa San Gimignano e apreciar as suas 14 torres medievais. Todo o encanto de It√°lia, em vers√£o de bolso!

Recomendado: Pela terra do bom vinho e da arte renascentista: Um Guia da Toscana

Ohrid, Macedónia do Norte

Embora o turismo esteja em crescendo nos países menos conhecido dos Balcãs, a pequena Macedónia do Norte continua a ser um gigantesco mistério para muitos. No entanto, aqueles que a visitam têm sempre um lugar em comum nos seus itinerários: o Lago Ohrid! Embora este extenso corpo de água banhe uma série de localidades diferentes, a mais visitada (e o grande centro turístico da região) é a vila do mesmo nome.

E se é certo que o lago é a grande estrela da companhia, com alguns trilhos de Ohrid a oferecerem vistas fenomenais sobre o mesmo, não deixa de ser possível visitar alguns outros destaques da vila, como a Cidade Velha, o Bazar Antigo ou a Igreja de São João de Kaneo. Ainda na Macedónia, vale igualmente a pena visitar outras pequenas localidades, como Kratovo, Tetovo (a mesquita é um tratado) ou Prilep.

Oia, Grécia

Chegados ao final da nossa compila√ß√£o, faz sentido encerrar as cerim√≥nias da mesma forma com que as abrimos (Hallstatt), apresentando um local que, apesar de pequeno, dificilmente poderia ser mais famoso ou concorrido. Mundialmente famosa, a localidade de Oia √© o principal destino na extremamente tur√≠stica ilha grega de Santorini, um local que atrai 2 milh√Ķes de visitantes anuais.

Os pre√ßos escalaram at√© n√≠veis absurdos, a confus√£o ser√° uma constante e ter√°s que cotovelar o teu caminho atrav√©s de uma multid√£o infind√°vel de outros tipos de c√Ęmara em punho‚Ķ mas aquele p√īr-do-sol (sim, AQUELE) far-te-√° esquecer tudo num abrir e fechar de olhos. Pelo menos at√© repetires o ritual no dia seguinte! Se procuras uma alternativa um pouco mais tranquila sem comprometeres o sol, o calor e o mar, podes sempre ficar atento a Lindos (Rhodes), Parikia (Paros), Fiskardo (Kefalonia), Pyrgi (Chios) ou Agios Nikolaos (Creta).

Recomendado: Guia de viagem das Ilhas Cíclades + Roteiro de Santorini, Naxos, Mykonos, Paros e Milos

Seguro de Viagem

Para contratar o teu seguro de viagem, aconselhamos a IATI, com uma excelente gama de seguros, incluíndo aquela que é, provavelmente, a melhor cobertura do mercado. 

Se reservares connosco, atrav√©s deste link, tens 5% de desconto no teu seguro e, ao mesmo tempo, d√°s-nos uma ajuda preciosa ūüôā

Consulta do Viajante

Aconselhamos a marcar a tua consulta na Consulta do Viajante Online. Insere o código flamingo para teres 5% de desconto em consultas para 2 ou mais pessoas.

Tours & Atividades

Reserva j√° os teus tours ou atividades no¬†Viator, do grupo Tripadvisor! E ao faz√™-lo est√°s-nos a dar uma grande ajuda ūüôā

Queres receber notifica√ß√Ķes acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Sugest√Ķes de viagem