Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM📱🌎

  • 08.04.2022 18:20
  • João

Outras das perguntas que recebemos muito frequentemente prende-se com a questão do Roaming em viagem e das melhores formas de se manterem conectados sem gastarem um dinheirão. E, pois bem, não haveríamos nós de fazer um artigo sobre isso? Obviamente que sim.

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Os smartphones vieram facilitar em muito as nossas viagens. Mapas, tradutores, guias e câmara fotográfica – tudo isso passou a caber no bolso. No entanto, quando chega a hora de fazer chamadas, enviar SMS ou usar dados móveis no estrangeiro fica sempre a dúvida: será que vou ter de pagar extra?

E por vezes a resposta chega na forma de uma conta exorbitante.

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Por isso, evita surpresas da tua operadora com algumas informações que reunimos para ti.

O que é o Roaming?

Provavelmente já estarás familiarizado com este termo. Traduzido à letra, significa “vagueando”, mas no contexto das telecomunicações é usado para se referir à utilização de um serviço de telemóvel fora da área de serviço do operador contratado.  

Quando chegas a um novo país, o teu telemóvel fica ligado a uma operadora local que em parceria com a tua operadora te permite continuar a fazer chamadas, aceder aos dados móveis ou enviar mensagens SMS. No entanto, este serviço tem muitas vezes custos, os quais podem ir até valores bastante elevados.

Roaming dentro da União Europeia, Islândia, Noruega e Liechtenstein (e Reino Unido)

Desde 2017, os países da União Europeia aboliram os custos extra de roaming. Isto significa que quando viajas para fora do país em que contrataste o teu serviço de telemóvel e entras noutro país da União Europeia, a tua operadora não te pode cobrar mais pelas chamadas ou mensagens SMS que fazes.

Na prática, podes continuas a gozar das mesmas condições que tens normalmente. Se tens chamadas e mensagens grátis para outros números do teu país, vais continuar a poder efetua-las sem custos; se pagas por minuto ou por mensagem, o preço vai manter-se igual.

Para os dados móveis, a situação é um pouco mais complexa. Isto porque a tua operadora pode impor um limite sobre a quantidade de dados móveis que usas em roaming dentro da União Europeia – são as chamadas Políticas de Utilização Responsável (PUR). No caso de te ser cobrado um valor extra por dados móveis, este custo está limitado a 3€/GB + IVA.

Por exemplo, a Yorn, tem a seguinte Política de Utilização Responsável, dentro do Espaço Europeu:

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Podes encontrar informações semelhantes nas seções de cada tarifário oferecido pela operadora (a PUR varia de acordo com os dados que o teu tarifário tem em Portugal) ou no Google, procurando algo como “PUR Roaming *nome da operadora ou do tarifário*”. Também podes contactar diretamente a operadora e inquirir sobre esses valores.

Lembra-te também:

Para além dos 27 países da União Europeia, estas regras são válidas na Islândia, Noruega e Liechtenstein. 

O Reino Unido continua a não cobrar pelo Roaming às operadoras portuguesas (Vodafone, por exemplo), mas não está vinculado pelas regras da UE, podendo mudar a qualquer momento (aconselhamos-te a verificar se esta situação se mantém quando estiveres a preparar a tua viagem).

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Países e Territórios que fazem parte deste grupo: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Gibraltar, Guadalupe, Guiana Francesa, Grécia, Holanda, Hungria, Ilhas Alands, Ilhas Faroé, Irlanda, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Martinica, Mayotte, Polónia, Reino Unido, Reunião, República Checa, Roménia, São Bartolomeu, São Martinho, San Marino e Suécia), Islândia, Liechtenstein e Noruega

Suíça e Andorra, apesar de terem muitos acordos com a União Europeia em outras áreas, não fazem parte do grupo de países sem custos de roaming. 

Roaming fora da União Europeia, Islândia, Noruega e Liechtenstein (e Reino Unido)

Fora da União Europeia é onde os custos de roaming começam a ficar (muito) mais sérios. Alguns tarifários já vêm com preços especiais para roaming, pelo que convém sempre informares-te dessas condições. Aqui deixamos um exemplo das tarifas-base das operadoras portuguesas para alguém que viaje para os Estados Unidos:

Chamadas efetuadas (por minuto):

MEO: 2.45€ por chamada efetuada; 1.05€ por chamada recebida; 0.78€ por SMS enviada; 0.70€ por 100kb de dados

NOS: 2.50€ por chamada efetuada; 1€ por chamada recebida; 0.65€ por SMS enviada; 0.70€ por 100kb de dados

Vodafone: 2.24€ por chamada efetuada; 0.82€ por chamada recebida; 0.55€ por SMS enviada; 0.69€ por 100kb de dados

Como vês, uma chamada para dizer que está tudo bem pode rapidamente transformar-se numa grande conta. É por isso que não te aconselhamos a ficar dependente das tarifas-base das operadoras. Lê as nossas sugestões.

Mantêm-te em contacto sem custos astronómicos

Para continuares a usar o telemóvel durante as tuas viagens tens várias soluções, mas nem todas são igualmente favoráveis. Estas são as tuas opções:

Apps, Apps, Apps, Apps

Para muitos é óbvio, e até já o fazem em Portugal, mas nunca é demais dizer: Em vez de SMS ou chamadas de voz, comunica através de WhatsApp, Facebook Messenger, Telegram, Signal, Instagram, entre outras. Será ideal teres pelo menos 2 delas instaladas ao mesmo tempo, pois pode acontecer que alguns países limitem a utilização de uma ou de outra (raro, mas acontece). A utilização destas apps tem também a vantagem de saberes que o único custo que irás ter será o associado ao consumo de dados móveis, visto que toda a comunicação é feita recorrendo a este protocolo e não à rede de voz / SMS.

Compra um cartão SIM pré-pago do país de destino.

De longe a melhor opção, e o que fazemos sempre. Lembra-te que tens de ter um telemóvel desbloqueado.

Normalmente, nos aeroportos, existem lojas das operadoras do país de destino, que disponibilizam muitas vezes tarifas turísticas interessantes, focados em plafonds de dados e menos de chamadas de voz. Também podem ser mais caros do que comprando fora do aeroporto, por isso investiga antes de comprar (fóruns do Tripadvisor costumam ter boa informação sobre isto). Em muitos países, as aplicações como WhatsApp e Telegram são muito mais utilizadas do que propriamente a rede móvel, por isso não terás grande dificuldade em entrar em contacto com hotéis, guias ou tours, mesmo só tendo um plafond de dados móveis e não tendo saldo para chamadas. 

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Outra opção é comprar um SIM global (ou regional), cujo plafond que escolhes é válido para imensos países sem que seja necessário mudares de cartão. Problema: 99% das vezes, é bastante mais caro do que simplesmente comprar um no país de destino. No entanto, as opções regionais deste tipo de cartões (vários países da mesma região incluídos) podem ser interessantes porque implicam que não tenhas de andar a comprar cartões cada vez que entras num país, sendo que pode acontecer que o que poupas em dados, acabes por gastar a mais comprando vários SIM. Não garantimos que tal aconteça, mas vale a pena fazer contas.

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Mesmo que compres um SIM global antes de partir, e a menos que tenhas um telemóvel preparado para utilizar dois cartões ao mesmo tempo, vais ter que alternar entre o teu cartão e o que acabaste de comprar. Lembra-te que muitas das tuas aplicações estão associadas ao teu número de telemóvel (no entanto a maior parte delas permite que continue associado, mesmo com um cartão diferente) e que muitas vezes os teus contactos estão guardados no cartão SIM que usas regularmente, por isso é boa ideia transferires os teus contactos para a memória do teu telefone.

Cartões eSIM

Os cartões SIM virtuais, ou eSIM, permitem-te comprar um serviço pré-pago de telemóvel sem que seja necessário utilizar um cartão físico. Isto significa que vais poder manter o teu cartão SIM no lugar. Com essa opção, é-te dado / enviado um QR code. Fazes o scan do QR code com o teu telemóvel e ficas com o serviço instalado. Simples assim. Muitas das operadoras tradicionais já oferecem esta opção, mas a maioria delas só o permite fazer quando já estiveres no país de destino Ainda assim, esta é, na nossa opinião, a melhor opção, tendo em conta que apresenta as mesmas condições de um tarifário com cartão físico, incluíndo os mesmos tarifários.

Se quiseres estudar opções de cartões eSim globais / regionais / nacionais que podes instalar no teu telefone antes de chegares ao destino (ou instalares logo que chegares), usa o agregador de preços esimdb. A desvantagem é exatamente a mesma de um cartão SIM global físico. A maioria das vezes, o preço a pagar por GB é superior aos tarifários de eSim oferecidos pelas operadoras tradicionais no país de destino. Mais uma vez, as opções regionais destes eSIM’s podem ser interessantes, dependendo do número de países a visitar e do custo de comprar vários cartões para cada um.

 Estados Unidos: uma exceção à regra:

Ao contrário do que acontece na maioria das vezes, em que o eSIM tem como vantagem a comodidade (poderes chegar ao país de destino já com o cartão instalado), nos EUA, um eSIM também pode ser a melhor opção em termos de custo.

Repara: com 10GB de dados com a Airalo (usa o código JOAO9445 para teres um desconto de $3) fica-te a sensivelmente €26. Um cartão físico na T-Mobile (usualmente a mais recomendada) com os mesmos 10GB fica-te a cerca mais de €50 ao câmbio atual e um com dados ilimitados a mais de €60. Se não precisares das chamadas ilimitadas que vêm nestes últimos, o eSIM pode ser uma opção muito interessante para uma viagem curta.

Para além de te mostrar os preços de imensas opções, o esimdb permite-te comparar quais são as melhores para ti, tendo em conta a validade do pacote e o preço por GB a pagar.

Tudo que precisas de saber acerca de Roaming, Dados Móveis e Cartões SIM

Lembra-te, no entanto, que ainda há relativamente poucos modelos de telemóveis compatíveis com os eSIM. Verifica se o teu equipamento é um deles.

Compra um pacote de roaming de uma operadora portuguesa

Sim, isto existe. Não, não compensa a não ser que precisem mesmo de ter o vosso cartão sim português sempre ligado e / ou não tenham um telefone dual sim. As operadores portuguesas oferecem uma variedade de pacotes de roaming. Para fora da União Europeia, existem pacotes de internet, chamadas e mensagens SMS a 7-7.5€ por dia. 

A Vodafone oferece condições especiais para os Estados Unidos + Canadá, a 3€ por dia, enquanto a MEO tem uma oferta semelhante mas apenas para os Estados Unidos, destino que conta ainda com opção light de 1€/dia.

Algumas dicas extra:

  • Se o teu voo for para um país extra-UE, Islândia, Noruega e Liechtenstein, desliga os dados antes de partires, para que ao ligares o telemóvel à chegada, não te seja debitado nenhum valor de roaming. Com os dados móveis desligados, podes manter o teu cartão português ligado à rede sem problemas e só pagas mesmo se fizeres / receberes chamadas ou se enviares SMS (não pagas para receber).
  • Quando estás perto da fronteira de um país, o teu telemóvel pode ligar-se automaticamente à rede do país ao lado. Se for o caso, muda temporariamente a pesquisa de rede para “manual” e seleciona a rede correta. Assim, mesmo que a conexão à rede do outro país seja mais forte, o teu telemóvel fica “forçado” a manter a rede que selecionaste.
  • Aproveita o Wi-Fi gratuito do teu hotel ou dos sítios que visitas para evitares usar os dados móveis ou para utilização mais intensiva da internet. Usa o Wi-Fi para fazeres download de músicas, mapas offline e vídeos e outros conteúdos que queiras aceder mais tarde.
  • Coloca em pausa as atualizações automáticas das tuas apps, ou permite as mesmas apenas em WiFi. Caso não o faças, vais estar a desperdiçar dados móveis valiosos.
  • Se forem mais do que 1 pessoa, podem optar por comprar apenas um cartão, com mais dados móveis incluídos (normalmente fica mais barato do que comprar 2, 3, 4 cartões e por aí adiante) e usar a função de hotspot de dados que a maioria dos smartphones hoje em dia tem ou usar mesmo um hotspot wifi, caso tenhas. Não te esqueças, que neste caso, será boa ideia ter também uma bateria portátil à mão, visto que o telemóvel que esteja a servir de hotspot vai gastar bastante mais bateria.
  • Em certos aviões já é possível utilizar o serviço de roaming, mas os preços são particularmente elevados. O mesmo acontece para navios em alto-mar.
Seguro de Viagem

Para contratar o teu seguro de viagem, aconselhamos a IATI, com uma excelente gama de seguros, incluíndo aquela que é, provavelmente, a melhor cobertura Covid-19 do mercado. 

Se reservares connosco, através deste link, tens 5% de desconto no teu seguro e, ao mesmo tempo, dás-nos uma ajuda preciosa 🙂

Consulta do Viajante

Aconselhamos a marcar a tua consulta na Consulta do Viajante Online. Insere o código flamingo para teres 5% de desconto em consultas para 2 ou mais pessoas.

Carro

Para os melhores preços no aluguer de carros vai a Rentalcars.com!

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Sugestões de viagem