Dicas para viajantes: Tudo que precisas de saber sobre o Cartão Revolut 💸🌎

  • 18.10.2021 17:49
  • João

Muitas vezes perguntam-nos quais os “essenciais” que levamos em todas as viagens e quais os que utilizamos mais frequentemente. Bem, juntamente com o telemóvel e o passaporte, há outro objeto de que nunca nos esquecemos: O Cartão Revolut.

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

O que é o Cartão Revolut e como funciona?

A Revolut é uma solução bancária digital e alternativa aos grandes bancos. Toda a gestão da tua conta e do cartão físico e feita através da aplicação móvel. A partir da mesma podes fazer transferências bancárias, gerir o saldo, fazer carregamentos, comprar e vender ações e criptomoedas, criar “cofres” (uma espécie de conta poupança), subscrever seguros de viagem, entre muitas outras coisas.

Usando taxas de câmbio em tempo real e sem cobrar comissão pelo mesmo, o Revolut permite que os levantamentos e pagamentos que faças no exterior, em moedas que não o Euro, sejam feitos de forma descomplicada e retira a necessidade andar de casa de câmbio em casa de câmbio para descobrires as taxas mais favoráveis, permitindo-te poupar não só dinheiro, mas também tempo.

Como criar uma conta?

1 – Para iniciares o registo / pedido de abertura de conta no momento clica aqui (não pagas mais por isso e dás-nos uma pequena ajuda)

2 – Instala a App no teu sistema operativo móvel

3 –Depois de fazeres o registo, escolhes um dos planos oferecidos:

  • Standard (Grátis) – Recomendado por nós
  • Plus (€2.99 por mês)
  • Premium (€7.99 por mês)
  • Metal (€13.99 por mês)

4- Após selecionares o plano pretendido, vai-te ser atribuído um IBAN, e deverás carregar a tua conta com pelo menos €10 para ela ser ativada, recorrendo a transferência bancária, Apple Pay, Google Pay ou cartão de crédito.

5 –Vai-te ser pedido uma foto e uma cópia do teu cartão de cidadão / passaporte, para validar a tua identificação.

6 – Depois de teres a conta validada ficas logo com a tua versão “virtual” do cartão (para fazeres compras online, por exemplo) e vai-te ser enviado o mesmo em formato físico, que chegará em cerca de 10 dias úteis (taxa de envio de €6.99).

Porque recomendam a conta Standard?

Nunca sentimos necessidade de fazer upgrade visto que as funcionalidades têm sido mais do que suficientes para nós:

  • Levantamentos grátis até €200 por mês. Após isso ou 5 levantamentos, mesmo que abaixo de €200, pagas uma taxa de 2%. Visto que hoje em dia os pagamentos eletrónicos estão em todo o lado, os levantamentos são cada vez mais raros.
  • Pagamentos em Euros ilimitados através de terminal de pagamento eletrónico ou equivalente. Em moeda estrangeira, os primeiros €1000 / mês são grátis, aplicando-se depois uma taxa de 1%.
  • Sem comissões de câmbio na maioria das mais de 140 moedas aceites
  • Carregamentos ilimitados
  • Aplicação móvel muito fácil e intuitiva de usar

E o melhor: A sua utilização é grátis.

Vantagens práticas em Viagem

  • Uma vantagem que achamos que é muito subvalorizada e que já nos salvou é o facto do cartão ser recarregável.Isto é, podem andar apenas com o orçamento diário, impedindo assim que no caso de vos roubarem / clonarem o cartão, corram o risco de ficar sem todo o dinheiro na conta principal. Numa viagem à Namíbia clonaram o nosso Revolut e não conseguiram levantar mais do que €40, que era o restante do saldo que tínhamos do dia. Se tivesse sido o nosso cartão principal, podíamos ter ficado sem o dinheiro todo até nos apercebermos o que se tinha passado.
  • A aplicação é uma excelente forma para controlar os custos da viagem, apresentando os gastos detalhados de forma instantânea.
  • Os carregamentos através de Apple Pay, Google Pay ou um cartão MBWay associado a um dos teus cartões de débito entram na tua conta Revolut de forma imediata.
  • Como usa os protocolos Visa ou Mastercard, tem uma taxa de rejeição muito baixa, e serve para pagar todo o tipo de serviços, quer em Portugal como no estrangeiro, e pode ser também muito útil para quem quer ter um cartão fiável para fazer compras online.

Desvantagens:

  • A gestão do cartão e os carregamentos é feita, exclusivamente, através da App, o que significa que tens de estar ligado à internet para fazer qualquer uma destas operações.
  • Em Portugal, não podes utilizar o teu cartão para fazer as típicas operações em máquinas automáticas da rede Multibanco, tal como carregar o telemóvel, pagar a água e a luz ou fazer uma transferência bancária (Esta última podes fazer, mas através da App).
  • Aos fins de semana é aplicada uma comissão de câmbio entre 0.5% e 1%.
    • Podes evitar isto fazendo o câmbio na Aplicação, de Euros para a moeda do país em que estás, na Sexta Feira, num valor que aches que é suficiente para cobrir o fim de semana. Se sobrar, no final da viagem, voltas a fazer o câmbio de volta.
  • Embora use os protoclos Visa e Mastercard, regra geral, não serve para usar para deixar a caução no aluguer de carro. Terás de usar um Cartão de Crédito para tal.

Perguntas frequentes

  • Recomendam?
    • Absolutamente. O cartão Revolut é provavelmente a ferramenta de viagem que utilizamos de forma mais consistente.
  • Vou para Itália. Vale a pena fazer o Revolut?
    • Em Itália e qualquer outro país da Zona Euro, a questão das taxas de câmbio não se aplica. No entanto, pela questão da segurança de que falámos anteriormente, achamos que vale a pena. Assim, já ficas também com um cartão quando tiveres de ir a um país não pertencente à Zona Euro.
  • A aplicação está limitada a pagamentos e levantamentos?
    • Não, podes fazer muito mais coisas. Subscrever seguros de viagem ou de gadgets, comprar acesso a lounges, fazer transferências bancárias, comprar e vender criptomoedas, entre outras coisas.

Como carregar o Revolut sem pagar taxas?

Em primeiro lugar aconselhamos sempre a verificares as condições do teu banco. De acordo com a nossa experiência e com um inquérito que fizemos a quem nos segue, podemos dizer com bastante segurança que podes carregar o teu Revolut sem pagar taxas extra nos seguintes casos:

  • Cartão de DÉBITO que seja possível de associar diretamente na aplicação;
  • Cartão de DÉBITO, associado ao Apple Pay / Google Pay e fazendo o carregamento na App Revolut usando esse meio de pagamento;
  • Cartão de DÉBITO, associado a um cartão criado no MBWay, e fazendo o carregamento do Revolut através desse cartão MBWay.
  • Transferência bancária (podes criar uma opção de transferência frequente na tua App do Revolut)

Utilização de Cartão de CRÉDITO, tem na esmagadora maioria das vezes, taxas associadas, por isso evita usar o mesmo para carregares o Revolut.

Como posso ver que Bancos não cobram taxas de levantamento usando Revolut (ou outro cartão)?

Ao contrário das taxas de câmbio, o Revolut não controla as taxas de levantamento, porque são da responsabilidade do banco / entidade que gere a caixa automática que vais utilizar. Há uma lista não oficial, feita pela comunidade de utilizadores Revolut, que é uma fonte de informação valiosa nesse aspeto e a mais completa que encontrámos. No entanto, algumas opções podem já estar desatualizadas, por isso verifica sempre com atenção se no total apresentado pela caixa automática, antes do levantamento, não estão essas taxas.

Seguro de Viagem

Para contratar o teu seguro de viagem, aconselhamos a IATI, com uma excelente gama de seguros, incluíndo aquela que é, provavelmente, a melhor cobertura Covid-19 do mercado. 

Consulta do Viajante

Aconselhamos a marcar a tua consulta na Consulta do Viajante Online. Insere o código flamingo para teres 5% de desconto em consultas para 2 ou mais pessoas.

Carro

Para os melhores preços no aluguer de carros vai a Rentalcars.com!

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Sugestões de viagem