10 paragens obrigatórias num roteiro da Croácia 🇭🇷

  • 10.06.2022 18:25
  • Paulo

Com mais de 1.700 quilómetros de costa e oito parques naturais a Croácia é destino incontornável, quer seja como destino de praia, como de aventura. Mas a diversidade não se esgota nas paisagens naturais – cada região da Croácia é um reflexo das várias culturas que por aí passaram e isso nota-se na sua cultura e gastronomia.

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Há várias anos que a Croácia se tornou um destino muito popular, reconhecida pelas suas praias e cidades imponentes. Não é por acaso que o país foi escolhido para servir de cenário a várias cenas da série Guerra dos Tronos.

A Croácia está dividida em quatro regiões históricas – a Dalmácia, a Croácia Central, a Ístria e a Eslavónia. Cada uma delas foi influenciada por diferentes reinos e impérios, pelo que viajar pela Croácia é ficar a conhecer várias culturas diferentes.

Por todos estes motivos, achamos que a Croácia é um dos melhores destinos para uma roadtrip e deixamos-te aqui algumas dicas de sítios a visitar durante a tua viagem:

Dubrovnik

No extremo sul da Croácia encontra-se Dubrovnik, uma cidade já bem conhecida dos guias turísticos. A sua beleza tornou-a também um popular cenário para filmes e séries, tendo muitas das cenas da série Guerra dos Tronos passadas na cidade fictícia de Porto Real gravadas aqui.

Durante cinco séculos a cidade – então chamada de Ragusa – governou-se de forma independente, graças em parte à robustez das suas muralhas, que são hoje uma das principais atrações locais. O palácio do reitor, a morada do antigo chefe-de-estado da República de Ragusa, é outro conhecido monumento da cidade.

Para uma vista panorâmica da cidade, nada melhor do que subir a bordo do teleférico até ao cume do monte Srd. Daí é possível ver não só a cidade mas as várias ilhas que rodeiam a sua costa.

Dubrovnik é um destino bastante popular e está na rota dos principais cruzeiros do Mediterrâneo, pelo que é uma boa ideia planeares a tua viagem para fora dos meses de Julho e Agosto.

Locais a visitar: Palácio do Reitor, Monte Srd, Ilha de Lokrum, Forte Lovrijenac

Onde comer: Pantarul, Barba, Kopun, Konoba Tabak

Onde ficar: Hotel Adria

Dubrovnik

Ilha Hvar

São mais de 1,000 as ilhas ao longo da costa croata, mas apenas 67 são habitadas, sendo Hvar uma delas. Tal como outras ilhas, Hvar pode ser alcançada por ferry.

Hvar tem a oferecer aos seus visitantes praias, diversão noturna e vinho de produção local. As pequenas e pitorescas povoações locais, como Hvar e Stari Grad, também merecem ser exploradas pela sua história e arquitetura.

Locais a visitar: Praia Mekićevica, Parque Nacional Paklenica, Jerolim, Centro histórico de Hvar

Onde comer: Gustico, FALKO, Dalmatino

Onde ficar: Hvar Top View Apartments

Makarska

Entre as imponentes montanhas de Biokovo e o mar fica uma área balnear apelidada de Makarska Riviera. Esta zona é uma excelente paragem para um mergulho nas águas claras do Adriático.

A cidade de Makarska, construída em volta de uma enseada típica da recortada costa croata, é um bom ponto de repouso. Para lá da zona litoral, as suas ruas estreitas tem um encanto próprio que vais querer experenciar.

Locais a visitar: Praia Makarska, Praia Biloševac, Praia Kraljev Gaj

Onde comer: Street Food La Strada, Restaurante Sunshine, Sunshine, Konoba Kalalarga

Onde ficar: Hotel Porin

Split

Tal como Dubrovnik, Split foi também uma cidade-estado durante vários séculos. No entanto, o monumento mais conhecido da cidade, o  palácio mandado construir pelo imperador Diocleciano, remonta aos tempos do Império Romano,

Não muito longe do centro histórico de Split é também possível aproveitar o sol e o mar em praias como Bacvice ou Firule.

Locais a visitar: Palácio de Diocleciano, Templo de Jupiter, Praia Bacvice, Praia Firule

Onde comer: Konoba Maslina, Pizzaria Galija, Buffet Fife, Kantun Paulina

Onde ficar: Hotel Fanat

Parque Nacional de Krka

A Croácia é rica em parques nacionais – são oito no total – cada um com o seu encanto particular. O parque nacional de Krka, entre Split e Zadar, oferece aos viajantes uma paragem refrescante, com a possibilidade um mergulho nos seus lagos.

O parque é conhecido pelas suas quedas de água, das quais se destaca Skradinski Buk. Este é outro destino muito procurado na época alta pelo que é de evitar planear a tua visita para esta altura se não queres encontrar grandes multidões.

Locais a visitar: Cascata de Krka, Cascata de Skradinski Buk, Mosteiro de Visovac

Onde comer: Konoba Dalmatino, Restoran Skala, Konoba Vinko, Bonaca

Onde ficar: Vila Marija

Zadar

Entre o norte e o sul da Croácia fica a cidade de Zadar, o mais antigo povoado do país. Este é um bom lugar para recuperar forças antes de seguires para o não muito distante Parque Nacional dos Lagos de Plitvice.

O centro histórico da cidade fica numa zona conhecida pelos locais como a Península (“Poluotok”). A torre do sino da Catedral de Zadar oferece uma vista deslumbrante da cidade, com o seu canal e várias ilhas circundantes.

Vale a pena também um passeio por Riva, a zona frente ao mar de Zadar. Aqui vais encontrar o órgão do mar, uma instalação que cria música a partir das ondas do mar e cujo o som pode ser ouvido em toda a cidade nos dias mais ventosos.

Locais a visitar: Igreja de S. Donato, Riva, Órgão do Mar

Onde comer: Gricko Grill, Pizzaria Tri Bunara, Konoba Skoblar, Konoba Tovar

Onde ficar: Hotel Mediteran

Parque Nacional dos Lagos de Plitvice

No coração da Croácia ficam os 16 lagos de Plitvice, ligados entre si por cascatas que irrompem das encostas de calcário branco típicas da região. Um cenário fascinante que vale bem a pena o desvio da zona costeira.

Sendo o maior parque nacional da Croácia, não faltam alternativas para o explorar através de trilhos, incluindo os passadiços de madeira que te permitem atravessar os lagos ao nível da água.

Locais a visitar: Passadiços sobre o lago

Onde comer: Licka Kuca, Bistro & caffe Plum, Visibaba Restoran, Restoran Degenija, Vila Velebita

Onde ficar: Rustic Lodge Plitvice

Ístria

No norte da Croácia, a península da Ístria, já perto da fronteira com a Eslovénia, reserva ainda algumas surpresas para quem decide seguir viagem até aqui.

A cidade de Pula, no sul da região, é conhecida pelo seu anfiteatro romano, uma das maiores e mais bem conservadas arenas da era romana que podem ser observadas nos nossos dias. Com capacidade para 5.000 pessoas, a arena continua ainda a receber concertos.

Não muito longe de Pula fica Rovinj, uma pequena cidade cujo centro histórico fica numa colina-península dominada pela Igreja de Santa Eufémia.

Qualquer uma das cidade é um bom local para ficar a conhecer a gastronomia da Ístria. A região é conhecida pelo presunto produzido localmente, um petisco que pode ser encontrado na maior parte dos restaurantes.

Locais a visitar: Arena de Pula, Igreja de Santa Eufémia (Rovinj), Parque Nacional de Kamenjak

Onde comer: Fish House Rovinj, Pizzaria Jupiter (Pula), Kod Kadre (Pula), Grota Bar (Rovinj)

Onde ficar: Boutique Residence Arion (Rovinj), San Martino Rooms (Pula)

Rijeka

Pela sua localização estratégica, enquanto porto de águas profundas protegido pela baía de Kvarner, Rijeka foi disputada por várias poderes europeus que foram deixando a sua marca na cidade.

Rijeka é uma cidade vibrante, o que se reflete em Korzo, a rua pedonal onde os residentes congregam para tomar café, fazer compras ou simplesmente passear. As festas de carnaval, as maiores na Croácia, são o grande evento da cidade, sendo o seu ponto alto o desfile de domingo antes da quarta-feira de cinzas.

Como é comum nas cidades costeiras da Croácia, a praia nunca está muito longe para quem está em Rijeka. É até possível caminhar do centro histórico até à praia de Sablićevo, mas basta andar um pouco mais para encontrar praias ainda mais interessantes como Glavanova ou Kostanj.

Locais a visitar: Castelo de Trsat, Korzo, Praias de Glavanova e Kostanj

Onde comer: Kokolo, Konoba Ribica, Nokturno, Konoba Papalina

Onde ficar: Old Town Inn

Zagreb

Para muitos, a capital será o principio ou o fim da viagem pela Croácia. Bem distante do mar, Zagreb contrasta bastante com as outras cidades na lista, a começar pelo facto de não atrair tantos turistas.

A zona mais pitoresca de Zagreb é a Cidade Alta, a qual pode ser alcançada a pé ou por funicular. Aproveita a relativa calma de Zagreb para fazer compras e experimentar a comida local.

A gastronomia croata reflete a sua posição geográfica. À semelhança de Itália, pratos como o risoto negro são bastante populares na Croácia; mas podes também saborear o goulash, uma sopa de carne e vegetais que atesta a proximidade geográfica e cultural à Hungria. Para um sabor mais balcânico, experimenta ćevapčići – salsichas acompanhadas por cebola picada e pão.

Locais a visitar: Cidade Alta, Museus dos Relacionamentos Rompidos, Catedral de Zagreb, Igreja de São Marcos

Onde comer: Gostionica Ficlek, Pivovara Medvedgrad, La Štruk, Plac Kitchen & Grill

Onde ficar: Hotel Gallus

Tours & Atividades

Reserva já os teus tours ou atividades no Viator, do grupo Tripadvisor! E ao fazê-lo estás-nos a dar uma grande ajuda 🙂

Seguro de Viagem

Para contratar o teu seguro de viagem, aconselhamos a IATI, com uma excelente gama de seguros, incluíndo aquela que é, provavelmente, a melhor cobertura Covid-19 do mercado. 

Se reservares connosco, através deste link, tens 5% de desconto no teu seguro e, ao mesmo tempo, dás-nos uma ajuda preciosa 🙂

Queres receber notificações acerca de novas ofertas?

Regista-te e decide a frequência de envio. Não vamos enviar spam!

Sugestões de viagem